Júri



Orlando Esteves

Orlando Esteves

A sua experiência faz dele um guardião da cozinha tradicional portuguesa. Nasceu na região de Coimbra e aí começou o seu percurso dedicado à cozinha. Andou de hotel em hotel com a forte convicção de aprender e conhecer tudo o que há de novo. A viagem obrigatória para quem pretende evoluir levou-o até Inglaterra, onde solidificou os seus conhecimentos em gastronomia e, em particular, em cozinha italiana. Nos anos 80, regressou a Portugal e estabeleceu-se no Hotel Palácio Estoril, onde chefiou a cozinha durante várias décadas. Foi presidente da Associação de Cozinheiros Profissionais de Portugal e é actualmente figura activa na profissão integrando a equipa de júri de vários concursos de cozinha, como o Concurso Chefe Cozinheiro do Ano, no qual recebeu o Troféu de Grande Mérito pelo seu papel junto da classe dos profissionais de cozinha e no concurso Gastronomia com Vinho do Porto.

Michele Marques

Michele Marques

É brasileira mas já criou raízes no Alentejo, mais propriamente em Estremoz. Desde pequena, sentia que a cozinha fazia parte de si, mas na altura de escolher o curso, optou por seguir jornalismo. Já em Portalegre, e com 21 anos, inscreveu-se na Escola de Hotelaria e Turismo de Portalegre. Seguiu-se um estágio no restaurante Feitoria, em Lisboa. Em 2009, abria a Gadanha, ainda só com a vertente de Mercearia. Em 2013, nasceu o restaurante Gadanha Mercearia, onde a cozinha regional com um twist de modernidade é o cartão de visita.

Gonçalo Queiroz

Gonçalo Queiroz

Nasceu em Lisboa, mas cresceu no Barreiro. Começou por estudar jornalismo e marketing mas sentiu que lhe faltava algo. Foi quando se aventurou em Évora, junto da sua mulher. Inscreveu-se na escola de hotelaria, onde completou o curso de restauração.

Quando acabou o curso, regressou a Lisboa onde trabalhou na Bica do Sapato. Seguiu-se o M'ar de Ar Hotel Aqueduto, em Évora , o L'and Vineyards em Montemor-o-Novo e o Ecorkhotel, em Évora. Em 2013, decidiu emigrar para os Emirados Árabes Unidos para chefiar o restaurante Picante no Four Points by Sheraton, no Dubai.

Em Junho de 2016, regressado a Portugal inaugura o seu restaurante Origens, em Évora. Em 2019 foi distinguido com o prémio de melhor Chef da região do Alentejo na categoria de Mais Chefe.